Dia 2: #30diasnoprojetodri40

Anteontem quando escrevi que nesses 30 dias eu iria contar sobre a rotina de uma pessoa normal, hoje de fato foi um dia comum. Acordei com muita dor de garganta e uma febre baixa, que automaticamente inibiu minha programação e advinhem: não treinei hoje. Mas não briguem comigo. Desde o início eu sempre busquei ter um dia off durante a semana. Então o dia escolhido foi hoje.

Fui trabalhar mais cedo, e essa será minha realidade nos próximos dias (1 mês e meio aproximadamente). Portanto eu necessito me organizar, pois nesse período não posso contar com dois turnos inteiros para meus assuntos pessoais, que se multiplicaram em razão inversamente proporcional ao meu tempo disponível (menos tempo, mais situações imprevistas). 

Então voltamos mais uma vez ao que comentei ontem sobre planejamento. Ele é fundamental para que furos como esse meu de hoje não se tornem regra.

Já fez seu plano para amanhã? 

Dia 1: #30diasnoprojetodri40

Conforme prometido, hoje começa a maratona de postagens sobre a minha rotina. E hoje foi um dia muito peculiar. 

Acordei às 3h10min da manhã (não, você não leu errado, eu realmente digitei três e meia da manhã). Tomei dois cafés pretos para despertar e fui atender a um compromisso familiar. Às 5h tomei meu café da manhã oficial. Optei por 1 fatia de pão integral com geléia, 1 banana e 1 iogurte. 


Às 7h10min cheguei à academia debaixo de uma tempestade, mas fiz meus 10 minutinhos de esteira e meu treino de posteriores (agachamento livre, levantamento terra, mesa flexora, agachamento no crossover, salto no banco e sequência de abdominais, focadas hoje na cintura).  Saí do treino às 8h10min debaixo de um dilúvio.



Corri pra casa, tomei meu scoop de whey como pós treino e também como lanche da manhã. Atualmente estou tomando o Prostar 100% Whey Protein da Ultimate Nutrition, no sabor morango, que possui concentração de 25g de proteína para cada scoop de 30g.  É o único suplemento que tenho feito uso atualmente e só tomo um scoop por dia de treino.

Depois disso fui para a minha aula de canto e de lá fui direto para o trabalho.

Aí veio a lição do dia. Eu não me organizei para levar de casa minha refeição e acabei pedindo uma marmita que continha muito, mas muito carboidrato. Mas eu tento ser disciplinada para comer somente a porção estabelecida pela minha nutricionista. No entanto, comida pronta geralmente é muito salgada, e de certa forma meu organismo não gostou muito. Além disso atrasei em 1 hora o meu horário habitual de almoço, o que me fez chegar a conclusão de que planejamento é essencial. 
Acho que está aí um ponto que preciso trabalhar: planejamento nas refeições, porque meu organismo não gostou do que fiz com ele hoje no almoço (comida ácida e muito salgada). Superado o problema com o almoço, nl início tarde tomei meu habitual café preto com adoçante sucralose. No meio da tarde comi uma porção de Nesfit (2 biscoitos) e um chá verde com menta.

No jantar comi arroz com legumes, uma omelete simples e salada de palmito, com uma laranja com bagaço de sobremesa.  E agora, depois  de 17 horas acordada acho que é hora de descansar para não sobrecarregar meu corpo. 

Antes de ir embora gostaria de sugestões ou curiosidades que vocês tenham sobre o meu projeto de emagrecimento, porque não quero transformar as postagens em algo repetitivo. Quero sugestões nos comentários daqui, no meu Facebook, no Instagram ou qualquer outro meio de contato que vocês tenham comigo, ok?
Beijos e até amanhã, que é dia de spinning e treino de quadríceps. 

Mente sã, corpo são

Nesse um ano e dois meses de #projetodri40 eu aprendi muitas coisas, mas a principal delas foi o meu auto conhecimento. Hoje sei muito mais sobre mim do que em qualquer outra fase da vida. Sei exatamente quais são as minhas limitações, os meus pontos fortes e principalmente os meus pontos fracos. 
No último mês eu praticamente não consegui manter o ritmo de dieta e treinos e por consequência meu corpo respondeu com inchaço, fadiga e ganho de peso (pequeno, porém visível). 
Eu tive sim ganho de massa magra com a dieta de hipertrofia que estou realizando com acompanhamento da minha nutricionista, no entanto falhei no quesito redução do percentual de gordura. 
O estresse no trabalho, readequação de rotina em casa, mudança de responsabilidades me provocaram uma corrente de ansiedade e me trouxeram de volta o vício por açúcar e diversas outras besteiras, o que me aliviaram quimicamente, porém trouxeram uma frustração bem grande no espelho. 
Daí voltamos ao ponto de partida há 63 semanas, em que eu me propuz  a conduzir minha vida a base de tentativas. E a cada falha, tentar de novo, mas falhar melhor que da última vez. A partir de amanhã, durante 30 dias, farei postagens diárias, contando um pouco sobre as dificuldades na alimentação e nos treinos dia a dia. A minha meta, além de melhorar o meu corpo é mostrar para vocês que nós estamos no controle e que sim, falhamos, mas não precisamos deixar que a falha vire rotina! 

Vocês estão prontos? Acompanhem esses 30 dias a minha evolução não apenas pelo blog, mas também pelo Instagram @adrianeneres e pela hashtag #30diasnoprojetodri40! 

Beijos e até amanhã! Treino às 6h30min da manhã, eu acredito!